Portal do Governo Brasileiro
Doe Leite

ajude quem espera por você.

A campanha de Doação de Leite Materno, do Ministério da Saúde, marca o Dia Nacional de Doação de Leite Humano, em 19 de maio.
A campanha visa incentivar a doação de leite humano e falar da importância dessa doação para as crianças prematuras, de baixo peso, que estão internadas em hospitais e não podem ser alimentadas diretamente no seio da mãe. Toda mulher que estiver amamentando é uma possível doadora. Basta ser saudável e não fazer uso de medicamentos que interfiram na amamentação.

A MADRINHA

Sheron Menezzes marcou presença na campanha de combate à sífilis em 2017.
E agora que seu filho nasceu, ela nos apoia também quando o assunto é doação de leite materno para crianças prematuras, de baixo peso e internadas que precisam desse alimento para se recuperarem mais rápido.
Na campanha, Sheron fala da empatia entre mães que compartilham do mesmo sentimento e incentiva a doação de mães que podem doar.

Assista ao vídeo da campanha

Conheça o passo a passo para realizar uma doação de leite materno

Saiba qual é
o banco de leite
mais próximo
de você.

Mapa

Divulgue
e incentive
a doação
de leite
materno.

Curiosidades

• Um pote de leite materno doado pode alimentar até 10 recém-nascidos por dia. Dependendo do peso do prematuro, 1 ml já é o suficiente para nutri-lo a cada vez que ele for alimentado.

• A produção do leite depende do esvaziamento da mama. Por isso, quanto mais a mulher amamenta ou esvazia as mamas, mais leite ela produz.

• Todo leite doado é analisado, pasteurizado e submetido a um rigoroso controle de qualidade antes de ser ofertado a um bebê internado.

• Todo leite descongelado não deve ser congelado novamente.

• Bebês que estão internados e não podem ser amamentados pelas próprias mães têm a chance de receber os benefícios do leite materno com a sua doação. Com ele, a criança se desenvolve com saúde, tem mais chances de recuperação e fica protegida de infecções, diarreias e alergias.